quarta-feira, 11 de março de 2009

Estou viva

O susto inicial já passou. Apesar de estar decidida sobre o que era certo e melhor fazer, chorei vários dias com meu travesseiro... há uma forte possibilidade de que eu tenha que ficar em Angra durante a semana, talvez ir e voltar um dia, por exemplo às quartas-feiras, e ter que pensar em ficar um pouco longe do marido e da minha casinha, dói. Ainda estamos arrumando a casa com nossa cara, acabei de fazer um lindo jardim, ainda temos melhorias a fazer, e de repente, pensamos que pode nem valer a pena investir, pois pode ser que a gente decida mudar daqui uns meses, além disso, é triste pensar em não ver a carinha do Julio todos os dias, saber com que humor ou ruguinha de preocupação chega do trabalho, poder cozinhar pra ele, e tomar banho juntos - coisa que a gente faz todos os dias desde de o dia em que casamos.
Angra não é tão longe daqui, fica há 2 horas, mas a estrada é bem ruim, muito estreita e cheia de curvas à beira de abismos, é arriscado fazer o percurso todos os dias, muita gente de Volta Redonda trabalha lá, e não consegui achar 1 até agora que venha e volte todos os dias. Além disso, o Julio trabalha em Seropédica, fica 1:10h de distância daqui, onde tem o Bobs na Dutra entre Rio e SP. Faz o percurso todos os dias, mas é na Dutra a estrada é boa e segura. De Seropédica a Angra, mais ou menos 2h de outra estrada também ruinzinha, coisa que dá pra fazer uma vez por semana, mais que isso, é maldade.
Então, por enquanto, vou e volto todos os dias, até eu conhecer a cidade e encontrar um lugar pra eu ficar. Já me ofereceram dividir apartamento com outras pessoas que estão lá, mas que eu não conheço. Prefiro ficar sozinha e poder receber meu marido, meus pais, amigos, quando eu quiser, poder levar minha calopsita, e quem sabe até minha rotwailler - que pensa que é um poodle - a Fiona, também. Quero algo que pareça um lar, e não uma república ou quarto de hotel. Em um lugar que seja perto do centro, sem o movimento intenso, mas que também não seja deserto demais a ponto de só ter casas de temporada. E que tenha um preço acessível. Será impossivel?
Começo o curso preparatório no dia 23, no Rio, só vou pra Angra mesmo 15 dias depois, aí vamos nos preparar pra decidir. Farei uma visita lá nesta sexta, e será meu primeiro contato pessoal com meu novo local de trabalho, estou anciosa!

Hoje completamos 5 meses de casados, estamos muito felizes, cada vez mais que no primeiro mês. E cada obstáculo que nos aparece no caminho, serve para fortaceler ainda mais o nosso amor e nos tornar com mais força "uma só carne".

Neste sábado, começa o encontro de noivos na Igreja, agora somos parte da equipe que prepara as reuniões. É hora de fazer a nossa parte e contar nossas experiências pra que cada vez mais, mais casais tenham uma união legítima e tão linda quanto a Igreja Católica deseja.

Por enquanto, acho que é só... se alguém conhece Angra e tem boas dicas pra me deixar, estou aberta a sugestões.
Bjs

16 comentários:

Paola disse...

Eu tbm ficaria triste..
Mas o amor supera tudpo! e sei que vcs vao achar uma alternativa...
ele pode ir lá de vez em qdo passar a noite com vc, que tal?

Maga disse...

Bia do céu!

Não suma assim de novo, eu estava preocupada com você, mas não tinha seu email pra perguntar se estava tudo bem!

Quanto as suas dúvidas, não se preocupe, Deus só prepara obstáculos para aqueles que Ele sabe que vão conseguir ultrapassá-los!

Milhares de beijos!

Noiva Mari disse...

nossa que situação chata ne ??
Mas tudo se resolve. Deus sabe o que faz.

Boa sorte !

bjo

Marcele disse...

Oi q saudades !
Bia tenha fé q tudo dará certinho amiga, toda mudança assusta um pouco né ?
Angra é um lugar lindo e com certeza vc será muito feliz por lá !
Bjo !

Bruninha disse...

Poxa Biaaaaaaaaaaaaa, vc some e ficamos sem saber como está, eitaaaaaaaa menina!!

Olha, apenas agradeça a Deus pela oportunidade, se é longe ou não, ele te dará uma solução, acredite!!!


E não some viu, bjs

Muriele Binow disse...

Q bom Bia que está dando tudo certo nesta sua nossa face.......boa sorte querida....bjos!

Alyne e Adriano disse...

Bia concordo com a Bruninha. Deus tem o melhor pra gente. Se ele te permitiu trocar de emprego, para algo mais seguro, é com certeza pensando no futuro da sua família. Tenha fé que tudo isso vai mudar, é questão de tempo... toda mudança gera uma certa "crise" até nos adaptarmos a ela. Ore com fé que Deus logo, logo traz a solução. tente só manter a calma. Quem sabe lá no Rio mesmo a solução aparece sem ao menos vc esperar? Deus pode tudo!!!
E quanto ao fato do marido... ai, nem fala... não vejo a hora de chegar o meu! rsrsrs. É isso que Deus quer... ver casais felizes, se amando como ele sonhou, guardando-se um para o outro pra viver o melhor... To torcendo pela su vitória. Vai dar tudo certo!!! bjim

tati disse...

Bia vai com fé em Deus que tudo vai dar certo ta. A sua fé vai remover Montanhas.

bjoss

Muriele Binow disse...

Oie tem selinho para vc lá no meu cantinho....bjos!

Karlinha disse...

Olá, Bia!
Tudo bem?
Passei aqui pelo seu blog e adorei!
Sou recém-casada e senti uma saudade enorme dos preparativos do casamento. Por isso resolvi dar umas fuxicadas pelos blogs e encontrei o seu, acabei criando um pra mim também!
Agora os meus afazeres são bem diferentes do que eu tinha antes!
Nossa, se minha vida já era corrida, imagina agora?!
Você deve saber bem o que é isso! Ser esposa, profissional e dona de casa não é mole não!
E como vai a sua vidinha de casada?
Vamos manter contato!
Estou te acompanhando, tá?!
Beijinhos

Tati e Cassio disse...

Lindo o seu Blog, add vc para eu te acompanhar... no meu blog tem um selinho para vc !!

Um Beijo !!

Michelle disse...

Oi Bia, tudo bem: Eu comecei lendo seu blog e vi que temos muitas coisas em comum. Eu tambem sou de VR, mas trabalho em Macae e meu futuro marido, me casarei 30 de maio, ficara em VR enquanto eu em Macae durante a semana, e no meu caso ainda e pior porque nem posso pensar em ir em casa no meio da semana porque sao quase 400km de distancia. Eu gostaria muito de conversar com vc sobre os detalhes do casamento, pois o meu ta chegando e estou ansiosa. Ja gostei da dica do carro, pois nao havia pensado nisto. Espero que me escreva. Bjos. Michelle.

Michelle disse...

Oi Bia, tudo bem: Eu comecei lendo seu blog e vi que temos muitas coisas em comum. Eu tambem sou de VR, mas trabalho em Macae e meu futuro marido, me casarei 30 de maio, ficara em VR enquanto eu em Macae durante a semana, e no meu caso ainda e pior porque nem posso pensar em ir em casa no meio da semana porque sao quase 400km de distancia. Eu gostaria muito de conversar com vc sobre os detalhes do casamento, pois o meu ta chegando e estou ansiosa. Ja gostei da dica do carro, pois nao havia pensado nisto. Espero que me escreva. Bjos. Michelle.

Fernanda disse...

Bia, sei muito bem o que é isso que você está passando... o serviço de meu marido tbm terá algumas viagens, se caso não der certo dele explicar e fazer via telefone/email.. ele terá qe ir até o local... fique traquila que tudo dará certo...

Beijos, eum ótimo fds.

Fer.

Bibi Elias disse...

Bia, vim aqui perguntar por onde vc anda, como estão as coisas pós-mudança, como está sua rotina... E descobri que eu nem tinha comentado nesse post, mesmo já o tendo lido tantas vezes. Pelo menos, não estou vendo meu comentário aqui!!
Quero te dizer que eu sempre tive crtza de que daria tudo certo p/ vcs dois. Que Papai do Céu ajudaria vcs a tomarem as melhores decisões sempre.
Sinto saudade de vc por aqui...
Qdo tiver um tempo, passa p/ contar como está tudo!!!
Continuo na torcida!!!

Beijinhos,
Bi e Theo

Vivia disse...

Bia, eu imagino o quanto deve ter sido duro esse primeiro momento, mas espero que as coisas já estejam melhores e mais adaptadas.
Também estou de mudança, mas para Brasilia, no final desse mês. Quando recebemos a noticia, estávamos a 20 dias no nosso apto que compramos especialmente para iniciarmos nossa vida a dois. Móveis novinhos, projetados, tudo exatamente do jeitinho que sempre quisemos... Mas, bola pra frente! Acho que Deus sempre prepara algo melhor pra gente depois de alguns obstáculos...

Volte para nos contar como vc está...

Muitos beijos!